Este website usa cookies para melhorar a navegação dos nossos utilizadores. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Fechar ou Saber Mais

Património

PATRIMÓNIO ARQUITECTÓNICO


Igreja Matriz
Este templo quinhentista foi objecto de reconstrução em 1748.No seu interior possui três naves que ficam demarcadas por colunas cilíndricas de capitéis jónicos e ligados por arcos rebaixados. Possui um tecto de madeira todo muito bem trabalhado, com uma bela talha dourada.

             

O seu interior foi remodelado no séc. XVIII, tendo os seus altares rica talha dourada da época. Na porta da fachada principal, vê-se a inscrição seguinte:
ANNO – MDCCC71. Na fachada principal lê-se a data 1748, esculpida em pedra.
Na capela-mor, destaque para a imagem de S. João Baptista, padroeiro da freguesia, em madeira policromada do séc. XVIII.Nas duas naves, existem a capela do Senhor dos Aflitos e de Nossa Senhora da Conceição.

                                                                                                                                                                                                                                                                         

Capelas:

- Capela de São Mamede, situa-se num planalto perto da Ribeira da Teja e é particular; pertence à família Teixeira de Aguilar;
- Capela de Santo António, encontra-se nos cabeços e fora em tempos pertença de particular. Mais tarde o povo apossou-se dela;
- Capela de São Sebastião, de estilo românico, fora a primeira Sede Paroquial;
- Capela de Nossa Senhora do Amparo, com fachada renascentista, encontra-se situada na Praça do Município;

    

- Capela de Santa Madalena, reedificada em 1777, restaurada em 1889 e novamente em 1983;

      

- Capela de Nossa Senhora do Rosário, já não existe, pois foi-se deteriorando com o tempo, acabando em ruínas. Os seus Santos foram transferidos para a igreja matriz;
Foi fundada em 1600, situada no lugar actual do cemitério;
- Capela de Santa Marinha, de estilo renascentista, é uma capela que fica bastante isolada da povoação, a caminho de Ranhados;
- Capela de Nossa Senhora da Conceição.

Pelourinho
Situado na Praça do Município, é um monumento que evoca Cedovim - Vila e sede de concelho. Da tipologia dos “pelourinhos de gaiola”, ele marca a municipalidade e também a lei e a justiça.
Em 1933 foi classificado Monumento Nacional, pelo Decreto Lei Nº 23122 de 11 de Outubro.

              


Casas Senhoriais:

- Casa Grande, é também conhecida por “Solar da família Teixeira de Aguilar”, que tem o nome de “Casa da Nossa Senhora da Conceição”. Ao centro da fachada principal do solar, vê-se o brasão com o escudo esquartelado;
- Casa da Botica, fundou-se em 1795 a Casa da Botica (farmácia). Encontra-se em ruínas;
- Casa de D. Solange Aguilar;
- Casa de D. Aida Costa;
- Edifício dos Correios;
- Casa Eurico Costa.

 

   

      


Nicho Senhor da Praça
Na Praça do Município. Existe uma tradição ligada a este nicho, em que este possui uma telha no topo que é virada ao contrário quando alguma senhora vai ter um bébé. Crê-se que esse acto lhe trará boa sorte.

 

 

 


Fontes / Chafarizes:
Existem vários, dispersos pela freguesia:

- Largo do Adro;
- Praça do Município;
- Largo de Santa Madalena;
- Fonte do Coxo.

     


Cruzeiros:

- Do Rabita;
- Do Cemitério;
- Da Ponte Nova.


PATRIMÓNIO ARQUEOLÓGICO

Foram encontrados alguns vestígios de telha romana.